"Antes de mudar o mundo, mudar a gente. Ajuda pra caramba..." (Renato Russo)

segunda-feira, 3 de novembro de 2008

As coisas que as garotas pensam e o que eu penso sobre ela

Fala ae!!


Estava em minhas andanças virtuais e encontrei um ótimo blog que retrata “a vida como ela é...hoje em dia”. Ato ou Efeito. Trata-se de um espaço onde a opinião é aberta e totalmente desprovida de limitações morais que te obrigam a mascarar aquilo que, no fundo, você acredita ou sente sem admitir. Enfim, um espaço tão bom quando eu acho que devam ser os espaços.

O post de hoje foi tirado de lá. Um verdadeiro compêndio de idéias cujas autoras afirmam ser de “toda garota” verdadeiramente interessante. Sei que toda unanimidade não é sábia e também sei que as autoras também sabem disso, mas não se deram ao trabalho de lembrar que SEMPRE há exceções. Portanto, vou fazer o mesmo (sacou a ironia? Ponto pra você!).

A brincadeira é a seguinte: irei postar alguns tópicos na íntegra e fazer comentários sobre eles da mesma forma que foi feito no post original.

Atenção: o papo não é recomendado para menores de 18 anos, pessoas frígidas, conservadoras ou moralistas (o que quase sempre dá no mesmo).

Estão prontos? Let´s Go!!!

1. Você não é tão bom no sexo oral quanto a gente diz ser. Sabe, as vezes mentimos sobre isso só pra ver sua carinha de feliz ao se achar O DEUS DO SEXO ORAL.

Comentário: Eu sempre desconfiei disso. Até mesmo porque sempre achei que a vítima de uma boca que sabe realmente trabalhar dificilmente consegue juntar ar suficiente nos pulmões para qualquer coisa além de gemidos ávidos e/ou rompantes de frases desconexas de cunho invariavelmente pornográfico (o que é bem melhor). Portanto, companheiro, desconfie sempre da bem estruturada “humm nossa...que língua é essa”.

2. NUNCA, JAMAIS enfie a língua em nossa orelha como se esta fosse uma casquinha de sorvete com restinho de calda no fundo.

C.: Ouviram senhores, abelhas?

3. PAGUE UMA CERVEJA, PORRA. Tá achando que somos sua mãe pra gostar de ti a troco de nada?

C.: Machismo. Não veria problemas em ‘até’ pagar uma cerveja, mas não sou chegado ao pensamento de que isso é praticamente uma obrigação do cara. Mal aí!

4. Nós gostamos mais dos cafajestes, essa é uma verdade quase universal.

C.: Quase? Hehehhe Falando sério, muita gente costuma confundir o termo “cafajeste”. Mas no contexto, o “cafa” é o cara seguro, que sabe lidar com as mulheres, respeita-las sem bancar o submisso. É o cara que, mesmo não fazendo nada, faz questão de manter a mulher com a pulga atrás da orelha de modo que ela jamais perca um interesse em conquistá-lo. Sempre. Já falei sobre isso aqui.

5. Esqueça a lingerie vermelha cafona de presente de dia dos namorados e dê um vibrador, de preferência aqueles que massageiam clitóris.

C.: Vixe, é isso mesmo?! Ta bom então...mas que fique claro que vocês jamais podem dizer “agora é minha vez, Amor”. Nem fudendo. Literalmente!

6. O cara tem que adorar o corpo feminino, beijar cada centímetro quadrado da pele.

C.: INCLUSIVE os pés, senhoras e senhores. É Serio!

7. Não faça sexo por fazer ou para se satisfazer. Faça sexo porque você quer e porque eu quero. Se estou ali com você é porque eu TAMBÉM quero.

C.: Sim, em outras palavras, valorize a sua parceira. Busque ter prazer através do prazer alheio. A ordem é procurar satisfazer sinceramente e será recompensado.

8. O ritual de tirar as roupas é muito excitante.

C.: Você não sabia?

9- Garotas curtem fazer sexo oral, mas pinto murcho é totalmente broxante.

C.: hahahahaha concordo que deva ser mesmo. Mas convenhamos, uma conversa sacana próxima do dito cujo depois, sei lá, da terceira da noite pode soar como um período de descanso até que divertido desde que não seja com o clima “porra, só demos a quinta, você vai precisar de quanto tempo para se recompor??” Assim...batendo o pezinho e tudo...

10. Não, broxar não é normal. Desculpa aí, mas é foda quando isso acontece.

C.: Concordo. Mas depois de quantas? Também acho foda as metidas a devassas que acham que o cara deve dar três sem tirar de dentro enquanto ela se concentra em dar o seu “gemido mais bonito” ou em se olhar no espelho treinando caras de safada. Enfim, cada um com os seus problemas...

11. As garotas se sentem culpadas, sim, da broxada de um cara. Mas depois é só lembrar que certos homens são capazes de foder com uma boneca de plástico, então certamente a culpa não é TODA nossa.

C.: Fato. Dificilmente a culpa é individual. Acho bacana quem reconhece isso. Acredito que para chegar a essa conclusão nem precisaria lembrar de tarados em potencial como os comedores de boneca inflável.

12. Se você broxou, FAÇA UM SEXO ORAL DIGNO prá compensar. Quem sabe assim você volta a se animar…

C.: Porque compensar algo cujo a culpa provavelmente não foi totalmente sua? Para o homem saudável, brochar não é somente não conseguir deixar o pinto duro. É perder totalmente a vontade de fazer sexo. Agora responda a pergunta: o que seria capaz de fazer com que um homem plenamente saudável perdesse a vontade de fazer sexo? Detalhe: um homem bêbado pode até ser saudável, mas não goza, naquele momento, plenamente da sua saúde, portanto, se um bêbado broxar a culpa será inteiramente dele, bem que provavelmente. Enfim, assunto delicado, merece até um post mais cuidadoso.

13. Garotas fazem sexo por sexo. Com amigos, desconhecidos, namorados...

C.: Que homem ainda não sabe disso? O problema é que algumas garotas ainda insistem em não admitir. Excluindo às virgens, é claro. Mas o “sexo por sexo” aqui pressupõe pelo menos um interesse prévio, o diálogo, o beijo, o toque e a sensação carinhosamente chamado de Tesão (com “T” maiúsculo).

14. Sexo anal. De vez em quando faz sujeira. Sem contar que, se a mina não tiver confiança o suficiente, pode nunca mais aparecer. Tipo se vaporizar no ar, traumatizada por ter queimado a rosca... Maaaas caso o cara consiga o sexo anal e ela, no meio, pedir pra parar, PARE IMEDIATAMENTE. Não é charme, não é frescura. É porque DÓI.

C.: Tem-se o dito. Não cara, nem tente argumentar...

15. Pau pequeno e/ou fino é mesmo um problema sério. Garanta-se no oral e digital, mas garanta-se MESMO!

C.: Ouviram né? Hahahahahaha

16. Pau grande TAMBÉM é um problema sério. Calma. Tem que ter certeza que a garota está preparada e nem pense em enfiar de surpresa ou com pressa. Tem que escolher a posição certa.

C.: Tá bom, entendi, confie em mim! Hahahahahahaha

17. Tem sempre um amigo seu que a gente pegaria.

C.: Essa vai para a coleção das coisas que todo homem deveria saber, aceitar e se garantir para que não se chegue às vias de fato. Mas se a mulher for MUITO filha da puta...ae, cara, não importa o que faça ou deixe de fazer...provavelmente tu vai perder um amigo e ganhar a chance de encontrar uma mulher bem melhor. Ta vendo, nem é tão ruim...

18. A gente conta TUDO o que se passa na nossa intimidade para as nossas amigas.

C.: Eis uma diferença marcante entre homens e mulheres. Homem de verdade não faz isso (tá, falamos sim que pegamos e se é gostosa ou não. Mas SEM detalhes). No mais, um dia eu queria ser um bicho de pelúcia ou travesseiro só pra ficar no colo de alguma empolgada ouvindo todas as atrocidades que devem rolar em um quarto cheio de mulher. Hehehe

19. Cuecas pretas ou brancas. PONTO.

C.: Ok, ok. Mas não rola nem uma verde-musgo? :)

20. Não importa muito você ser GRANDE se não souber mexer o quadril. Tá ligado a dança do “créu”? Então, pratique bastante a velocidade 4 e 5.

C.: Alguém aqui me socorre aqui. “Mexer o quadril?” Claro! “Creu” bem dado? Óbvio...Mas velocidade 4 e 5? Sei não...depois algumas garotas ficam putas porque o cara goza rápido. Para mim 4 e 5 só na segunda, de boa, isso se a gata demonstrar que é mesmo chegada a brincar de britadeira. Se bem que tem aquela do sábio que dizia “a primeira até pode ser ‘com amor’, mas a segunda tem que ter putaria.” Ta valendo...

21. Muito provavelmente uma garota toparia ficar com outra garota na frente de um cara. Para satisfazê-lo, claro, mas muito também para SE satisfazer.

C.: Gostaria de concordar com esse tópico, mas tem várias exceções, infelizmente. O que foi? “Escrevi” isso alto? Hahahahahaha

22. Se você gosta de carne, DEMOSNTRE ISSO. Aperte, afague, alise, morda, diga que é lindo.

C.: Yes, my ladies!

23. Nem sempre estamos a fim de fazer sexo. Mas uma boa preliminar faz milagres.

C.: Concordo. Respeito isso. E vocês?

24. Mulheres adoram sexo meio bruto, com puxão de cabelo e tabefe na bunda. Mas disso tudo, o que mais nos excita é a PRESSA de fazer sexo, as demonstrações de que se está realmente afim.

C.: Ah, é mesmo? Gosto de ouvir isso. Concordo com isso. E é bom que mulheres digam isso, porque quando o homem diz, muitas não têm coragem de admitir.

25. APRENDA com o Wando.

C.: Prefiro aprender com as próprias mulheres, sem ofensa.

26. A gente ODEIA discussão de relacionamento tanto quanto os homens. Mas adoramos as reconciliações.

C.: Opa!! Aqui peguei pelo pé. Pra haver reconciliações é preciso ter tido discussões. Logo, vocês as adoram. Mas “vamo que vamo”...

27. Uma pele bem cuidada vale mais que mil palavras.

C.: Ahn...er...bem...sabe...no fundo até concordamos. Mas fica difícil chegar pro amigo e dizer “pô, cara, me atrasei porque estava passando hidratante” ou “nem pensar em tomar cerveja hoje, cara. Tipo o meu creme de barbear acabou e eu nunca vou sair de casa com essa barba horrorosa” ¬¬

28. Cheirinho bom é MAIS que importante. Não só desodorante, mas o perfume.

C.: Fato. Sem desculpas aqui.

29. Dependendo da garota, pornôs funcionam.

C.: Cara, de boa. Na dúvida não pergunte diretamente. No caso de algumas mulheres perguntar OFENDE. A dica aqui, se você faz mesmo questão, toque no assunto de maneira sutil, estimule a garota ao máximo e deixe ela mesma te convidar ou dizer que não curte.

30. Não quer que eu finja? Então faz bem feito!

C.: Engraçado, se o cara broxa é porque ele É broxa. Se a garota não se excita, ela finge. Por que, diabos, sexo e diálogo honesto não podem andar juntos? Eis uma questão pertinente. Que as exceções se manifestem, por favor!

31. Nós estocamos provisões para os momentos de necessidade.

C.: Er...bem...muito de nós também...

32. Olhar outra não tira pedaço, mas compartilhe a experiência.

C.: Isso pode ser perigoso. Compartilhar tais comentários e ter um retorno positivo e bem-humorado (tal quando se está com os amigos) irá depender muito de diversos fatores, físicos, psicológicos, metafísicos, científicos e inexplicáveis que compõem o universo feminino daquele momento. Portanto, amigo, prefira o bom e velho óculos de Sol.

33. Sua porra não tem gosto de chocolate.

C.: Clara de ovo misturada com água do mar parece consenso entre as garotas quanto a definição do sabor. Sinceramente acredito sim, o homem deve avisar quando não está agüentando mais segurar a porra do negócio (trocadilho intencional) para a mulher decidir o que vai fazer e como vai fazer.

34. A gente gosta de fazer oral, mas quando a gente tiver afim.

C.: Acho que absolutamente tudo deve ser feito quando se está afim. Tanto para os homens quanto para as mulheres. Não deve haver revanchismo do tipo “só faço se ele fizer e vice-versa”. Faça o que tu queres (ou não faça). Ponto. Aceite, no entanto, argumentos que podem ser bons o suficiente para te fazer mudar de idéia.

35. Cavalheirismo não sai de moda.

C.: Mas tem que ser espontâneo para não soar forçado. Garotas podem não perceber que você está sendo cavalheiro, mas certamente vão perceber (e rir de você por dentro) se perceber que está tentando ser com ela um cara que você não é de verdade. Seja você mesmo e espere que ela goste porque você não conseguirá fingir pra sempre.

36. Não fique comparando.

C.: A comparação é quase sempre inevitável, mas mantenha-a dentro de você.

Ficaremos aqui por enquanto.

Até breve com mais abordagens pertinentes em relação à vida como ela é. Graças a Deus!

Abraço

Foto: Angelina Jolie

Ouvindo: Creep - Radiohead

3 Comentários:

Tati disse...

Olá!!

Assunto muito legal de ser debatido né ;D

Bom concordo com quase todas as idéias apresentadas... vou destacar aquelas que concordo e aquelas que não são muito legais.

2. Lingua na orelha não é uma coisa muito legal... dá uma aflição do cacete.

6. Beijo no corpo todo é muito bom, com exceção dos pés... certas pessoas tem sérios complexos com seus pés.

9. Isso é fato!!

18. Em uma roda de mulheres seja no barzinho, aula ou qualquer outro lugar elas irão comentar sobre suas experiências sexuais e isso com todos os detales mais sórdidos.

21. Muitas mulheres não topariam dividir seu parceiro com outra mulher.

24. Sexo bruto é muito legal. ;) hahahaha

32. Nós sabemos que os homens olham para as outras mulheres a sua volta e nós fazemos a mesma coisa ( e comentamos com a amiga de forma discreta para que o namorado não veja)... mas não precisa comentar que a mulher que acabou de passar por você "é gostosa pra caralho" ;)

Bom acho que é isso
hehehehe

Beijos Gato

Mari(ana) disse...

Fiquei até perdida no meio de tantos "fatos" e comentários...muito fatos contraditórios, muito comentários pertinentes.
Mas quero finalizar com um frase:
"cada um eh cada um..e cada dois...é cada dois!"

FLW E DISSE!

Mari(ana) disse...

oensando bem...tbm tem...

...cada 3 eh cada 3...
cada 4...[...]

caraca...isso pode nao ter mais fim!
o.O

Eu?

Minha foto
Cabo Frio, Rio de Janeiro, Brazil

::: O que vejo por aí...

  ©Template Blogger Elegance by Dicas Blogger.

TOPO